APT toma posse no Conselho Municipal de Turismo de Santos


Uma correção histórica. Assim, o presidente da APT, Eduardo Silveira, definiu a sua posse, enquanto representante da entidade, como novo membro do Conselho Municipal de Turismo de Santos (Comtur). A posse foi realizada durante reunião virtual do Comtur nesta quinta-feira (27/1), sob o comando da secretária Selley Storino, presidente do Conselho e titular da Secretaria Municipal de Empreendedorismo, Economia Criativa e Turismo (Seectur) e presidente do Conselho, além das participações de demais integrantes do órgão consultivo e deliberativo.


A inclusão da APT foi oficializada no dia 8 de novembro, com a publicação da Lei Municipal 3.931 alterando Artigo 4º da Lei Municipal 1.732, de 19 de janeiro de 1999, que criou o Comtur. A portaria que confirmou a nomeação de representantes da APT para o Comtur foi assinada pelo prefeito Rogério Santos em 28 de dezembro passado, sendo publicada no Diário Oficial de Santos em 29 de dezembro.

Além de Eduardo Silveira, nomeado representante titular da APT, a portaria nomeou como suplente Luciane Aulicino, que também integra a diretoria da APT, com a função de 2º Tesoureiro.


“É uma grande honra, representar todos os profissionais de turismo através desse reconhecimento e, por que não dizer, dessa correção histórica que a nossa secretária Selley faz hoje, com toda a sensibilidade que lhe é peculiar, reconhecendo a autoridade e o papel pioneiro da primeira entidade de turismo de Santos, a APT, fundada e administrada por profissionais de turismo desde 1998”, declarou Silveira, em seu discurso de posse.

O pleito que resultou na nomeação de um representante da APT para o Comtur foi apresentado pelo por Silveira à presidente do Conselho, Selley Storino, durante reunião em junho. “Por isso, Selley, quero inicialmente agradecer a você pela oportunidade que está nos sendo oferecida. Firmo aqui um compromisso com você e com todos os membros do Comtur de que a APT agarra com força, determinação e muita garra essa grande oportunidade”.


Ele frisou que ao longo dos 24 anos que a APT está prestes a completar, seus dirigentes e associados têm trabalhado incansavelmente na missão de promover a união, defesa e o engrandecimento dos profissionais de turismo da Baixada Santista. “A pandemia trouxe para o nosso segmento muitos e porque não dizer, novos desafios. E estamos convictos de que todos os desafios serão superados com as conexões que faremos de hoje em diante”.


Silveira ainda pontuou que em 2022 a APT insere em seu escopo de trabalho o Pacto Global da ONU, firmado no final do 2021. “Vamos promover e desenvolver ações de forma prática visando a inclusão dos 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da ONU para o turismo. E contamos desde já com o apoio de todos deste Conselho, para que Santos saia na frente e seja a primeira cidade a aplicar este conceito em nosso segmento”.

95 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo