top of page

Ministério da Saúde autoriza cruzeiros, mas protocolo com as regras ainda será anunciado pela Anvisa

Uma portaria do Ministério da Saúde foi publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (28), autorizando a navegação de cruzeiros marítimos a partir do dia 1º de novembro. Na portaria, as condições para as viagens, devido à pandemia, são detalhadas, entretanto a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) prepara um protocolo com regras sanitárias para as embarcações. Todos os navios devem partir do Porto de Santos, no litoral de São Paulo.


A portaria foi assinada pelo ministro substituto da Saúde, Rodrigo Cruz. No documento, é autorizada a operação de navios de cruzeiro a partir do primeiro dia de novembro. Segundo o texto, ainda há protocolos a serem seguidos.



Foto: Marcelo Martins - Prefeitura Municipal de Santos

Viajantes a bordo com sintomas de Covid-19 devem comunicar a equipe médica sobre o quadro clínico e permanecer isolados na cabine até nova orientação. Ainda é determinado que esse passageiro seja testado, por método molecular (RT-PCR ou RT-LAMP) ou teste rápido de antígeno.


Caso o resultado seja positivo, detectável ou reagente, a pessoa deve permanecer isolada em uma cabine com essa finalidade. Esse isolamento deve acontecer pelo período de dez dias, caso o quadro seja leve ou moderado, e 20 dias para o caso de síndrome respiratória grave ou crítica. A quantidade de dias é contada a partir da data dos primeiros sintomas.


Caso o resultado do teste seja negativo, o viajante precisa permanecer isolado na cabine até a remissão dos sintomas, e até o resultado de novo teste. As pessoas que tiverem contato próximo de passageiros com suspeita da doença devem ser imediatamente identificadas e testadas. A portaria ainda recomenda que se faça uma 'auto quarentena' por um período de 14 dias, que pode ser dispensada caso a pessoa esteja assintomática e apresente resultado negativo para o teste.


Apesar de explicar os protocolos, a portaria poderá ser editada pela agência reguladora. "Atos normativos específicos de vigilância sanitária complementares a esta portaria poderão ser editados pela Anvisa", diz o texto.


A Anvisa informou que vai se reunir às 10 horas desta sexta-feira (29), em uma reunião extraordinária, para deliberar sobre os requisitos sanitários necessários para o embarque, desembarque e transporte de viajantes em embarcações de cruzeiros marítimos no país.


Fonte: G1 Santos e Região

73 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page