APT reforça importância de agentes de viagens para evitar golpes em turistas


A Associação dos Profissionais de Turismo da Baixada Santista (APT) se une às demais entidades representantes desta categoria para reafirmar o papel indispensável dos agentes viagens na realização do sonho de milhares de turistas. O posicionamento se faz necessário diante do comentário equivocado da jornalista Mariana Godoy, apresentadora do Programa Fala Brasil, da TV Record. Na ocasião, o noticiário exibiu matéria sobre uma brasileira residente em Portugal que fora vítima de um golpe na compra de passagens aéreas, por uma falsa agência no Brasil.


A jornalista disse, em rede nacional, que “ninguém precisa de uma agência como intermediário da venda”, replicando não só um conceito distorcido como desmerecendo toda uma categoria profissional que foi decisiva, inclusive, para repatriar milhares de brasileiros quando a pandemia foi declarada.


Após repúdio de todo o segmento e em resposta à Associação Brasileira das Agências de Viagens (Abav Nacional), a TV Record se retratou exibindo matéria que detalhou o papel do agente de viagem e reforçou os critérios que devem ser atendidos na hora de escolher uma agência.


A própria Mariana Godoy pediu desculpas aos profissionais do turismo, após a veiculação da reportagem, e enalteceu os diferenciais dos serviços que estes prestam. Apesar da retratação, a APT repudia a opinião da jornalista, lembrando que essa classe profissional merece ter suas atividades respeitadas, e não desmerecidas.


Contudo, a APT entende que ainda existe muito desconhecimento e uma certa deturpação diante do real papel de um agente de viagem, o que se justifica até no comentário totalmente desinformado feito pela jornalista, na matéria que desencadeou a polêmica.


Embora o esclarecimento tenha sido feito na TV Record, a APT acredita que este momento de retomada das atividades totais no turismo deve vir acompanhado de uma campanha educativa para mostrar a importância de se contar com a assessoria de um agente de viagem sério, devidamente inserido no Cadastur e atualizado com as recentes e constantes mudanças nas condutas no turismo.


Estamos numa época em que o volume de viagens aumenta, com as festas de final de ano, férias escolares, verão e recessos em alguns serviços públicos, ou seja, muitas pessoas podem estar, neste momento, caindo em outros golpes pois acharam que não vale a pena “gastar” com uma agência de viagens.


Agora, também cabe a nós, profissionais do turismo, reforçar a importância da nossa atuação para que os sonhos planejados por tantos turistas, desde antes de pandemia, não vire mais um pesadelo com um desfalque financeiro.


A APT conclama aos agentes de viagem para que valorizem seu papel, sua dedicação ao turismo e seu potencial de fazer a diferença. Vamos juntos, muito além da retomada, para a valorização dos agentes de viagens!


Boas festas a todos do turismo! Que 2022 seja um ano de grandes conexões e muitos sonhos realizados!


Eduardo Silveira – presidente da APT
1 visualização0 comentário